Se pensava que as alterações na pele acabavam na sala de partos, continue a ler. Aqui ensinamos a lidar com a acne, a pele seca, o melasma e outras alterações na pele, depois de dar à luz.

Durante as minhas três gravidezes fui abençoada com o tal “brilho” de que se ouve falar, mas paguei caro por isso quando as minhas filhas nasceram. A minha pele, habitualmente bem comportada, ficou seca e desidratada, sem brilho e com grandes olheiras. Felizmente, quando cada um dos meus bebés chegou aos seis meses de vida, recuperei o meu rosto de sempre.

A maquilhadora internacional Ariane Poole (www.arianepoole.com) oferece tutoriais de maquilhagem para as mães recentes e teve uma experiência parecida. “A minha pele passou de seca para oleosa, com acne, durante a gravidez e voltou a ser seca e desidratada depois do parto – fui apanhada de surpresa. Uma amiga minha desenvolveu um caso grave de melasma, mas acabou por desaparecer.”

Mas não é preciso esperar meses ou evitar olhar-se ao espelho, há inúmeras maneiras de conseguir que a sua pele volte a brilhar e que a sua beleza volte depressa.

Porque é que a sua pele se porta tão mal depois do parto?

As alterações hormonais depois do parto são responsáveis pelas alterações na sua pele. “Muitas mulheres pensam que assim que derem à luz, tudo volta imediatamente ao que era. Mas a pele depois da gravidez pode parecer a pele antes da menstruação, durante largos meses. Tal como o seu corpo demora tempo a reajustar-se depois da gravidez, também a pele precisa do seu tempo”, diz-nos Ariane Poole.

O dermatologista Dr. Nick Lowe (www.drnicklowe.com), consultor em Londres e Los Angeles aconselha: “As alterações precisam de três a seis meses para estabilizar e, em muitos casos, a sua pele voltará ao normal por si só. Eu desaconselho os tratamentos invasivos até passados pelo menos três meses, pois muitos problemas normalmente desaparecem até lá.”

 

Melasma

O melasma consiste em manchas de cor mais escura do que o normal na pele do rosto, normalmente num padrão simétrico. “As células estimuladoras de melanina aumentam depois do parto e produzem as manchas de pigmento em excesso, normalmente na testa, maçãs do rosto e lábio superior”, diz o Dr. Lowe. Isso ainda é mais comum na pele asiática e hispânica.

Normalmente, o melasma desaparece ao fim de vários meses, mas é essencial usar um protector solar com um fator de protecção muito elevado diariamente pois a exposição ao sol piora o melasma.

Opções de tratamento

Os cremes aclaradores de pele podem ser receitados para ajudar a fazer desaparecer os casos mais teimosos de melasma. Entre eles incluem-se os cremes com hidroquinona, ácido azelaico e ácido retinóide. Os esfoliantes químicos removem as células que causam o excesso de pigmento. Um tratamento a laser, delicado, também pode ajudar.

Para casos menos graves de melasma, há inúmeros cremes à venda que ajudam a desvanecer as marcas de pigmentação. Estes cremes funcionam fazendo abrandar a produção de melanina, aclarando as manchas escuras, esfoliando a superfície da pele e aclarando o tom da pele.

Como o tapar

“Use um primário com cor antes de aplicar a base. Um dos novos cremes BB ou CC também vai ajudar a nivelar o tom da sua pele”, diz Ariane Poole.
 

Acne

As alterações hormonais, o stress de ter um novo bebé e o cansaço podem fazer com que a sua pele desenvolva acne. “Depois do parto uma queda nos níveis de estrogénio estimula as glândulas sebáceas a produzir mais gordura que pode provocar borbulhas”, adianta Dr. Lowe.

Opções de tratamento

•Cremes com ácido azelaico ou com peróxido de benzoílo ajudam a prevenir que os folículos fiquem entupidos e matam as bactérias que causam as borbulhas.

•O seu médico pode recomendar o tratamento com creme contendo tretinoína em casos de acne grave, mas é essencial usar métodos contraceptivos, pois não é adequado fazer o tratamento durante a gravidez.

•“Os tratamentos de luz pulsada, esfoliantes químicos e aplicação de vapor e extração, podem ajudar na acne mais grave,” diz-nos o Dr. Lowe.

•Utilize um tónico de limpeza suave, duas vezes por dia, mas não faça esfoliação.

•Escolha produtos para a pele sem óleo e cosméticos não comedogénicos.  

Como o tapar

“Depois de espalhar a base, aplique o corrector nas borbulhas. Escolha um corrector com laivos de amarelo para neutralizar a vermelhidão,” aconselha Ariane Poole.  “Um matificante aplicado na zona T antes da base, vai remover o brilho.”

 

Pele seca e escamosa

As variações nos níveis hormonais podem fazer com a que pele fique mais sensível e seca. Essas alterações devem passar ao fim de três ou quatro meses.

Opções de tratamento

•Utilize um creme hidratante rico em ingredientes muito hidratantes como o ácido hialurónico e a glicerina.

•Use um produto de limpeza suave e sem sabão.

•Experimente usar um sérum de hidratação antes do creme hidratante.

•“Faça uma esfoliação semanal para retirar as peles secas. Use um pano de flanela aquecido para retirar o creme esfoliante suave”, recomenda Ariane Poole.
 

Veias azuis

“O aumento do fluxo sanguíneo na gravidez dilata os vasos sanguíneos e eles podem ficar aumentados. É mais óbvio em peles claras.” garante Dr. Lowe. Normalmente desaparecem gradualmente até ao fim do sexto ou sétimo mês.

Opções de tratamento

“Se não desaparecerem ao fim de vários meses, um delicado tratamento a laser vai acabar com elas,” diz-nos o Dr. Lowe.

Como o tapar

“Aplique a base habitual. Depois, com um pincel pequeno, aplique um corrector espesso para tapar as veias, fundindo-o bem com a base. Use um pouco de pó translúcido para fixar,” aconselha Ariane Poole.

 

Olheiras e papos nos olhos

As noites sem dormir têm o seu impacto e as olheiras são frequentes nas mães recentes. Também podem ser causadas por retenção de líquidos, por isso, é importante que se mantenha sempre bem hidratada. Assim que o seu bebé começar a dormir mais noites seguidas e você conseguir descansar mais, elas devem desaparecer naturalmente.

Opções de tratamento

Cremes para os olhos, gel ou sérum com ingredientes de contenção como a cafeína, extractos de algas e péptidos para reduzir os papos, enquanto ingredientes redutores da pigmentação como o alcaçuz, a vitamina C e raiz de amoreira aligeiram as olheiras.

Como o tapar

•Escolha um corrector líquido que reflita a luz para disfarçar instantaneamente as olheiras.

•“Escolha um corrector com tons de pêssego para as olheiras, pois ele vai anular os tons azuis e cinzas mas não deixa a sua pele acinzentada. Aplique depois da base.”, é a sugestão de Ariane Poole.

Recupere o seu brilho

•Faça batota usando uma base iluminadora ou um hidratante com cor, que contenham partículas reflectoras de luz.

•Aplique um acabamento luminoso em pó com pincel em cima das maçãs do rosto.

•“Use um blush em creme nas maçãs do rosto para iluminar a sua cara”, recomenda Ariana Poole.

•Faça uma esfoliação à pele, uma vez por semana, para limpar as zonas secas e sem brilho.

•Presenteie-se com uma máscara facial hidratante, uma vez por semana, enquanto toma um demorado banho de imersão.

Com dexpantenol. Para prevenção e tratamento do eritema da fralda e gretas do mamilo, pele seca, áspera ou gretada e cicatrização de lesões e irritações da pele. Contra-indicado no caso de sensibilidade a qualquer componente. Medicamento não sujeito a receita médica. Leia cuidadosamente o folheto informativo. Em caso de dúvida ou persistência dos sintomas, consulte o médico ou farmacêutico. L.PT.MKT.DC.12.2016.0113